Produtos Asalit: papelão para juntas/papelão para vedação

O papelão para vedação, também conhecido como papelão hidráulico ou papelão para juntas, é usado nos mais variados segmentos industriais e na fabricação de juntas de vedação, que são aplicadas em flanges de tubulação ou de máquinas e equipamentos.

A união flangeada é normalmente usada em sistemas de refrigeração, instalações hidráulicas e na condução de água em geral, por conferir maior resistência mecânica a tubulações e conexões.

Pois bem, para saber um pouco mais sobre esses produtos, de que materiais são feitos e quais as suas principais funções, acompanhe o nosso post e entenda a importância de usá-los na sua indústria.

Entenda o que é o papelão de vedação

O papelão de vedação é um tipo de papelão composto de fibras, cargas minerais e reforçantes. Essa composição permite que ele resista a temperaturas de até a 550° C, a alta pressão e a produtos quimicamente agressivos.

A fabricação do papelão de vedação normalmente envolve fibras sintéticas misturadas a elastômeros e outros materiais, com o objetivo de formar um produto com alta resistência térmica e química. A produção desse tipo de papelão obedece a critérios dimensionais e de qualidade construtiva bastante rígidos.

A massa de papelão hidráulico é, então, calandrada a quente, para que seja formada uma folha plana, que servirá para a confecção de juntas de vedação.

É importante destacar, que o uso do papelão para vedação apresenta um preço de metro quadrado inferior em relação ao PTFE. Além do custo-benefício, ele é mais versátil e mais fácil de ser cortado.

Conheça a função do papelão para juntas para a indústria

A principal aplicação do papelão hidráulico é a de juntas para vedação de flanges, motores e válvulas. O objetivo da vedação de fluidos industriais é evitar vazamentos e facilitar a manutenção de flanges e válvulas, já que o papelão hidráulico tem fácil aderência a elas e é mais simples e fácil de ser removido. Outra aplicação onde o papelão hidráulico é muito empregado é em apoios de tubulações e dutos.

Veja as vantagens do papelão em relação à borracha

Entre as principais vantagens de usar o papelão para juntas em relação à borracha, estão a maior resistência mecânica e térmica e o melhor custo-benefício, tendo em vista que a borracha é bem mais cara para a aplicação nas indústrias.

Além disso, o papelão para vedação é um material mais fácil de ser recortado e estampado, e o seu uso permite maior liberdade de trabalho e manuseio. Ele ainda é mais forte do que a borracha, que costuma rasgar com facilidade.

Conheça alguns produtos do mercado

O papelão hidráulico pode ser composto por vários materiais, e há muitos tipos disponíveis no mercado. Para conhecer um pouco mais sobre os produtos, reunimos aqui alguns papelões especiais que podem ajudar nas diversas necessidades de vedação da sua indústria.

O papelão hidráulico pode ser feito por fibra de celulose, borracha nitrílica NBR e carga reforçante, por exemplo. Esse tipo de papelão de vedação é totalmente isento do amianto e mais usado para vedar água, soluções neutras, água saturada de sal e vapor saturado.

Outro tipo é o papelão hidráulico metálico grafitado, que contém fibra inorgânica, borracha nitrílica, grafite e tela metálica. Há, também, o papelão conhecido como velumoid guarnital, que é feito por misturas homogêneas de fibras celulósicas, muito usado para junta resistente a água, óleo, álcool, benzina, benzol, nafta e fenol, entre outros produtos químicos.

Para alta temperatura

O papelão atualmente mais utilizado é o PH 400, fabricado a partir de fibra aramida, borracha nitrílica NBR e carga reforçante. O Asalit PH 400 suporta uma temperatura de até 400º C e 110 bar de pressão máxima. Ele é indicado para o serviços em contato com produtos químicos agressivos, petróleo e seus derivados.

Há, ainda o PH 550, papelão de fibra inorgânica, criado para substituir o papelão de amianto em trabalhos sob temperatura de até 550°C, que apresenta alta estabilidade térmica e alta resistência à pressão.

Juntas para várias aplicações

Cada modelo de papelão hidráulico tem uma aplicação em especial.

As juntas em fibra inorgânica fabricadas com o papelão Asalit PH 550 são compatíveis com praticamente todos os produtos químicos, tais como álcalis, óleo, gases, combustíveis, petróleo, solventes e vapor.

Já as juntas em papelão amianto são caracterizadas, principalmente, pela extrema resistência térmica. As de papelão de celulose são as mais baratas, sendo fabricadas na cor vermelha, podendo receber acabamento externo em grafite, o que confere maior facilidade de remoção da junta usada. Essa junta é composta de fibra de celulose e suporta temperatura de até 210º C e a pressão máxima de 50 bar.

As juntas de papelão aramida são totalmente isentas de amianto e consideradas vedações com ótimo custo-benefício. Já as em grafite flexível, exatamente pela flexibilidade, são tidas como as mais seguras para vedar diante de condições severas de serviço, por conferirem à junta uma capacidade maior de selabilidade.

É uma junta com alta resistência a flutuações de temperatura, com boa resistência química e elevada condutibilidade elétrica e térmica. Portanto, antes de escolher o papelão para vedação, é importante verificar se ele atende as condições e características da máquina ou equipamento que vai usar a junta, considerando o fluido que precisa ser vedado e, principalmente, a temperatura e a pressão a que a junta vai precisar ser submetida.

Isso porque existem as juntas para flanges face com ressalto, flanges face planas, conforme amostra ou desenho, envelopadas, espirometálicas ou espiral e também a de trocador de calor.

E então, o que achou sobre o uso do papelão para juntas? Vai precisar desse produto para a sua indústria, mas ainda tem dúvidas sobre qual o melhor tipo para cada necessidade? Essas dúvidas são normais, mas é possível saná-las se informando melhor sobre cada detalhe de aplicação.

Então, se você quer saber um pouco mais sobre os produtos, entre em contato com a Asalit e saiba tudo sobre o uso do papelão para a vedação nos mais variados setores industriais, antes de adquirir os produtos para a sua indústria.

error: Conteúdo protegido!