Precisa aumentar a produtividade no chão de fábrica? Veja 5 dicas!

É essencial criar um ambiente produtivo para garantir a lucratividade da sua empresa. No entanto, aumentar a produtividade no chão de fábrica é um constante desafio para os gestores e chefes de setores. Para isso, é preciso adotar algumas práticas e implantar uma mudança de cultura e de hábitos para que, aos poucos, a produtividade aumente e se torne rotina na sua organização.

A partir disso, preparamos 5 dicas para você começar a colocar em ação na sua empresa e aumentar o nível de produção no chão de fábrica. Confira!

1. Conte com o apoio da tecnologia

Adotar o uso de softwares e a automação dos processos é sinônimo de otimização de procedimentos. É preciso aproveitar as novas tecnologias e inovações que estão cada vez mais a nosso favor. Para isso, você pode utilizar sistemas de gestão para controlar desde os setores financeiros até de controle de produtividade de funcionários.

A automatização e adoção de trabalhos digitais podem substituir processos que são feitos manualmente e demandam muito tempo. Além de rapidez em realizar as tarefas, essa atitude pode auxiliar na redução de erros humanos.

2. Defina os processos

Para aumentar a produtividade no chão de fábrica é preciso ter organização. Portanto, conheça cada processo que deve ser realizado, faça mapeamentos e determine os fluxos de trabalho. Cada funcionário ou grupo de trabalhadores será direcionado a uma função, impedindo que tarefas importantes deixem de ser feitas. Com isso, também é possível ter mais resultados, otimização do tempo e evita falhas nos procedimentos.

3. Melhore a confiabilidade dos equipamentos

Equipamentos e máquinas parados é o mesmo que perder tempo e dinheiro. Então, é preciso estar em constante avaliação sobre o funcionamento das máquinas essenciais para a realização dos processos e para garantir a segurança dos trabalhadores.

Defina as manutenções e inspeções periódicas e, se possível, faça a troca de máquinas e equipamentos que mais geram gastos do que lucro. A produtividade no chão de fábrica é fortemente influenciada pelo estado dos maquinários que são utilizados. Além disso, equipamentos ultrapassados e que não passam por manutenções e inspeções são aliados no aumento de custos da empresa.

4. Estipule metas

Estipular metas é uma das melhores formas de aumentar a produtividade no chão de fábrica e em qualquer setor de uma empresa. Quando você trabalha sem ter um objetivo, a procrastinação e falta de incentivo são certeiras.

Sendo assim, defina metas de produção diárias e mensais para a equipe de trabalho. No entanto, elas devem ser pensadas e planejadas para que seja possível alcançá-las e para evitar que as metas estipuladas não tenham o resultado inverso: diminuir a produtividade.

Então, avalie as capacidades dos funcionários, os prazos de entrega e os processos que devem ser realizados para criar um equilíbrio e garantir que as metas serão cumpridas a tempo.

5. Invista na capacitação dos funcionários

Profissionais capacitados são profissionais produtivos. Uma estratégia para aumentar a eficiência nos processos feitos no chão de fábrica é investir em treinamentos periódicos e garantir que você tenha mão de obra capacitada.

Muitos gestores não adotam a prática de realizar treinamentos e enxergam essa estratégia como um custo. Esse pensamento está errado, pois treinamento é investimento e não gasto. Disponibilizando treinamentos e palestras educativas você verá uma melhora significante nos resultados e, consequentemente, na produtividade do chão de fábrica.

Uma boa produtividade no chão de fábrica traz grandes benefícios para a sua empresa, os quais vão desde o aumento da lucratividade até o cumprimento dos prazos estipulados. Essas práticas e estratégias aumentam a competitividade da sua organização em um mercado tão concorrido.

Garantir a produtividade e segurança na empresa é uma tarefa diária e para ficar por dentro de dicas que lhe ajudem nesse trabalho, siga a nossa página no Facebook e acompanhe todas as novidades!

error: Conteúdo protegido!