Entenda a importância de fazer gestão de fornecedores na sua indústria

O funcionamento da sua indústria e o nível de produtividade dos seus funcionários dependem, em grande parte, da sua gestão de fornecedores. A escolha dos parceiros da sua empresa é uma tarefa que requer muita atenção, pois atrasos e erros nas entregas de equipamentos, insumos e materiais podem ocasionar muitos transtornos, inclusive a perda de dinheiro.

A gestão de fornecedores vai desde a seleção até o controle de processos de negociação dos seus parceiros. Para te ajudar nisso, reunimos alguns pontos essenciais que devem ser levados em consideração na hora de avaliá-los. Confira!

Agilidade na entrega

De que adianta um fornecedor ter um ótimo preço se as entregas atrasam, o serviço de atendimento é falho e as mercadorias chegam em um mau estado?

Para que a produção não seja interrompida e você não tenha dores de cabeça com trocas de produtos é de extrema importância monitorar os prazos de entrega e os demais processos realizados pela empresa.

Para isso, uma dica é pedir amostras de produtos. Assim, você consegue avaliar a qualidade do que será disponibilizado, o tempo de entrega, estado de conservação e o atendimento que é oferecido, já que qualquer um desses pontos impacta diretamente a sua produção. Além disso, é claro, são reduzidos custos com perdas e queda na produtividade.

Disponibilidade de produtos

Para que a sua gestão de fornecedores seja eficiente, é preciso que você avalie a disponibilidade dos produtos e mercadorias, em geral. Isso porque algumas empresas podem não ter a capacidade de atender às suas necessidades, seja no volume de pedidos ou itens de que precisa na sua produção.

Experiência no ramo de atuação

Como dissemos, a gestão de fornecedores inclui a seleção dos seus parceiros. Sendo assim, logo no momento da pesquisa, verifique o histórico de cada fornecedor, comentários de experiências positivas ou negativas de clientes e — o mais importante — se é uma empresa sólida no mercado e com bons clientes.

Assim, você evita prejuízos ou contratempos com companhias que não são sérias ou não apresentam boa reputação no mercado, garantindo que faça parcerias somente com empresas que estejam dentro da legalidade.

Certificado ISO

As certificações são um ótimo meio para verificar a responsabilidade, qualificação e capacidades de uma empresa para com seus clientes e parceiros. Então, pesquise ou entre em contato com os possíveis fornecedores e verifique se dispõem de certificações, inclusive de qualidade.

Um exemplo é a ISO 9001:2015, que visa estabelecer padrões e critérios na implementação de um sistema de gestão de qualidade. Para isso, os fornecedores devem aplicar estratégias de avaliação, monitoramento e desempenho. Dessa forma, você garante que está firmando parceria com empresas sérias, que se importam com os serviços prestados.

Tecnologias usadas

As inovações e novas tecnologias permitem que as empresas aperfeiçoem os seus serviços e disponibilizem um ótimo atendimento ao cliente e ainda auxiliam no cumprimento de prazos.

Sendo assim, na sua gestão de fornecedores, procure conhecer os procedimentos e processos realizados por seus prováveis parceiros. Afinal, empresas arcaicas e com muitos processos manuais têm mais chances de atrasar as suas entregas e gerar confusões do que companhias automatizadas.

Além de levar em consideração os fatores que citamos, é muito importante que a sua gestão de fornecedores desenvolva estratégias que estabeleçam um relacionamento de confiança mútua, garantindo que os resultados sejam ainda melhores.

Viu como esses pontos podem fazer a diferença na produtividade da sua empresa? Então, aproveite para conferir como desenvolver um fornecedor confiável e conheça as características que um bom parceiro deve ter!

error: Conteúdo protegido!